11 Ago 2019

Generic placeholder image

Ha um poder sobrenatural na Palavra de Deus reservado para homens e mulheres espirituais. O homem carnal sempre olhará para a Palavra de Deus e enxergará um livro chamado Bíblia, apenas. A Bíblia aberta numa estante ou sobre uma mesa, sem uso, não passa de um livro comum. Até mesmo quando é lida corretamente por um pregador, mas não obedecida pelos ouvintes, também não passará de um livro comum. Todavia, quando a Bíblia é aberta e examinada como sendo a Palavra de Deus, assimilada pela mente (espírito) e pondo em prática os seus estatutos e mandamentos, será experimentado o poder de Deus que salva o homem da condenação temporária e da morte eterna. A Palavra de Deus implantada em nos corações podem nos livrar dos castigos imediatos que vêm por consequência das nossas más escolhas e atitudes, oriundas das maldades que deformam o nosso caráter, livrando-nos também da impureza moral. O homem natural é propenso às práticas do mal, pois nele prevalece a tendencia ao pecado. E, só através da Palavra de Deus, como uma espada de dois fios, espiritual, que penetra até a medula, na divisão da alma e do espírito, é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração (Hb 4.12), capaz de matar o homem carnal (velho homem) e fazer ressurgir um novo homem (nova criatura), não mais escravo das paixões carnais e das impurezas que afastam o homem de fazer a vontade de Deus. A Palavra de Deus tem poder. Deus seja louvado! Amém.