Pão Matinal (20 Nov 21)

Generic placeholder image

VENCENDO A IRA

Os múltiplos desafios que o homem da atualidade precisa enfrentar diariamente podem gerar alto nível de stress.

O stress provoca muitos efeitos colaterais na saúde física e mental, dentre ela a perceptível a irritabilidade, que por sua vez pode pode gerar agressividade, discussões, conflitos e a ira.

Os grandes problemas já foram pequenos um dia. Eles cresceram porque foram alimentados ao invés de serem eliminados. É importante eliminar o causador de stress, antes que ele cresça e se transforme em algo difícil de controlar.

Um simples resfriado pode evoluir para uma pneumonia ou uma pequena conta não quitada pode se transformar numa grande dívida. Como uma bola de neve descendo de ladeira à baixo são os pequenos problemas não resolvidos. Seria a ira o resultado do acúmulo de pequenos problemas não resolvidos?

O fato é que no mundo moderno tornou-se muito fácil irar-se e partir para as “vias de fato”. Sentir-se chateado ou até irado com injustiças sofridas é natural do homem pecador. Todavia, cabe ao homem desenvolver o domínio próprio pelo poder do espírito de Cristo (Gl 5.22).

O sentimento da ira deve ser combatido com o espírito de Cristo em nós. Esse poder, o espírito manso do Santo, moldará o caráter do crente à semelhança de Cristo até eliminar as ameaças do desenvolvimento da ira nos corações.

Enquanto houver a possibilidade de um espírito irado aflorar em nós, devemos nos esforçar na busca o poder de Cristo para exercitarmos o domínio próprio, virtude do espírito de Cristo.

O apóstolo Paulo em aconselhamento aos efésios, exorta aos que ainda estavam amadurecendo o fruto da temperança, a não consumar o sentimento da ira.

Obviamente, tudo fica mais difícil quando se concretiza uma violência motivado pela ira, mesmo que haja uma boa justificativa após o fato consumado.

O conselho é: reflita e não leve a mágoa para cama, tendo o travesseiro como cúmplice. A ira deixa o espírito abatido e faz secar os ossos (Pv 17.22).

A ira é um mal para todos: quem sente e pratica, se torna a maior vitima dela.

Deus e Cristo Jesus sejam louvados! Amém.